Palhetas do limpador de para-brisas: saiba quando trocar

0 Comments

Quando chega o verão, é a hora em que os motoristas mais precisam das palhetas do limpador de para-brisas. A razão é simples: é o período onde há mais chuvas e, por isso, quando precisamos mais das peças.

No entanto, ao mesmo tempo, é o período onde mais se desgasta a peça. Afinal, não só ela é mais usada, mas o calor também afeta a borracha do acessório do carro, deixando-o ineficaz.

Por isso, é importante saber como e quando trocar as palhetas do limpador de para-brisas para evitar danos à peça justamente quando mais precisamos dela.

Quer saber quando fazer a manutenção das palhetas? Então siga a leitura do artigo abaixo!

De quanto em quanto tempo devemos trocar as palhetas do limpador?

Comecemos pelo início: de quanto em quanto tempo devemos trocar as palhetas do limpador do para-brisas? O ideal é realizar a troca das peças uma vez por ano.

Isso é necessário pois a borracha costuma acumular muito dano, mesmo que não usemos o limpador. Quanto mais calor, por exemplo, mais ela se deforma. Além disso, ela sofre com detritos como pedrinhas, folhas e até o próprio vento.

Por isso, com o tempo, a borracha deixa de ser útil e começa a não limpar muito bem o vidro do carro. Isso quando ela não causa dano ao criar pequenos riscos no para-brisas.

No entanto, além da frequência anual, é possível que seja necessário trocar a palheta antes disso, especialmente se ela sofreu muitos danos em um determinado período de tempo, como em um verão especialmente quente.

Como saber se as palhetas do limpador de para-brisas precisam ser trocadas?

Durante esse período de um ano em que usamos as palhetas do limpador do para-brisas, é importante ficar de olho e fazer alguns testes para identificar se a borracha precisa ser trocada por algum motivo que seja.

Para isso, basta fazer um pequeno teste na sua própria casa (pode ser uma vez por mês ou a cada dois meses) para avaliar o desempenho da palheta.

O teste é bem simples: pegue uma mangueira e molhe o vidro do carro para simular como se estivesse chovendo. Talvez até valha a pena pedir para o filho, cônjuge ou algum amigo ficar jogando água no vidro.

Então, acione o limpador do para-brisas e veja como ele se comporta. Se houver barulho para limpar o vidro e o resultado não for adequado (por exemplo, houver riscos no vidro, áreas sem limpar ou uma espécie de névoa) então é porque a palheta necessita ser trocada por uma nova.

Como aumentar a vida útil das palhetas do limpador de para-brisas?

Caso você comece a reparar que está precisando trocar a palheta do limpador de para-brisas com muita frequência, então é porque há algum problema na maneira como você tem lidado com essa peça do seu carro.

O ideal é que ela dure mesmo um ano ou um pouquinho mais do que isso, sem sofrer muitos problemas nesse período. Caso sua peça esteja se desfazendo muito rapidamente, então é preciso trocar alguns hábitos para aumentar a vida útil da palheta.

Veja que hábitos são esses a seguir!

Não use detergentes residenciais para lavar o carro

Um hábito muito comum, mas danoso, que muitos motoristas têm é o de usar detergentes residenciais, desses que utilizamos para lavar a louça de casa, no sistema de limpagem do para-brisas. O problema com isso é que os detergentes comerciais são muito abrasivos.

Assim, quando entram em contato com as palhetas, eles ressecam a borracha, o que faz com que ela deixe de funcionar mais rapidamente. Ou seja: cada vez que você aciona o limpador, está danificando-o.

Use apenas sabão próprio para limpar o carro

Quando for limpar o vidro do carro ou o veículo por inteiro, utilize apenas um sabão próprio para automóveis. Você pode comprar esse produto em uma auto peças em Americana-SP ou na sua cidade mesmo.

Isso é necessário porque os sabões próprios para estarem nos reservatório do sistema de limpador não são tão abrasivos como os detergentes, além de ajudarem a hidratar a borracha e torná-la mais durável.

Utilize um cristalizador de vidros

Existe um produto vendido em auto peças e mecânicas que se chama cristalizador de vidros. Ele ajuda a dar uma polida no vidro do para-brisas, o que o protege mais, especialmente em dias de chuvas intensas.

Além disso, com os vidros cristalizados, as palhetas do limpador deslizam muito mais facilmente. Isso faz com que a limpeza seja mais eficaz, claro, mas também que menos sujeira se acumule nas peças. Quanto mais sujeira fica acumulada, mais danos à borracha do limpador.

Assim, na prática, o cristalizador de vidros ajuda a aumentar a vida útil da palheta do seu carro, fazendo com que não seja necessário trocá-la tão frequentemente.

E aí, aprendeu quanto palhetas do limpador de para-brisas? Se ficou com alguma dúvida, deixe-a em um comentário abaixo!