Dicas sobre manutenção automotiva

0 Comments

Um automóvel, seja de passeio ou trabalho, possui alguns itens que precisam ser averiguados com frequência para uma manutenção preventiva.

Esse tipo de prevenção pode ser realizada pelo próprio proprietário do veículo, inclusive existe curso de manutenção automotiva disponíveis sobre o assunto.

Hoje, com um mínimo de conhecimento e algumas dicas, é possível averiguar quais itens devem ser verificados por questões de segurança do próprio condutor.

Além do fator da segurança, ao realizar pessoalmente a manutenção automotiva você acaba conhecendo mais do seu próprio carro. Como consequência, está mais preparado para conversar com mecânicos e lojas especializadas, e consegue economizar.

Isso porque você saberá exatamente quando, por exemplo, os pneus do veículos precisam ser trocados ou a troca de óleo realizada.

Por isso, confira a seguir algumas dicas essenciais que fazem parte da manutenção automotiva de veículos.

Confira 5 dicas para que você mesmo possa verificar a manutenção preventiva

Com uma inspeção básica em seu veículo você consegue realizar a manutenção de forma preventiva e segura, confira as principais abaixo.

●    Fluídos de freio e óleo do câmbio e motor

Como todos sabem os veículos funcionam com fluídos nos freios e óleo no motor e no câmbio. Sendo que em ambos os casos você consegue verificar se está na hora de trocá-los.

A maioria dos veículos hoje em dia possuem luzes que informam quando está na hora realizar a manutenção desses itens ou quando chegou o momento da troca.

No caso da troca do óleo de motor, geralmente é realizada a cada 10 mil km rodado, no caso do óleo sintético e a cada 5 mil km para o uso do óleo mineral.

A cada troca de óleo também é importante verificar a necessidade da troca do filtro, pois ele tem a função de não deixar que sujeiras entrem no motor.

Com isso você aumenta a vida útil do seu carro e não evita problemas no futuro.

●    Rodas e pneus

As rodas e os pneus dos veículos são itens de segurança e sua manutenção deve ser feita com frequência. Sendo assim, é necessário fazer o balanceamento a cada 5 mil km rodados.

Além disso, você precisa observar se os pneus estão ficando carecas, formando bolsas de ar externa ou se estão desnivelados, e caso não estejam em boas condições a troca é necessária.

A qualidade dos pneus no momento da troca é outro fator que deve ser considerado, já que os mesmos são a base do veículo e precisam ter durabilidade para enfrentar qualquer tipo de asfalto.

Sem contar que os pneus além de trazerem mais segurança ao veículo também fazem partes dos itens de conforto dos passageiros.

●    Limpadores de pára-brisa

Outro item que você mesmo pode fazer a manutenção preventiva são os limpadores de para-brisa e as paletas.

Mesmo porque as borrachas que limpam o vidro do carro e ajudam a dirigir em dias de chuva ressecam com facilidade quando não estão em uso.

Portanto, é importante que você verifique se as mesmas estão em boas condições de uso com frequência.

Para isso basta ligar o item e caso ele esteja arranhando o para-brisas ou demonstra dificuldade em funcionar, a troca por outro é necessária.

A vantagem aqui é que o valor não é tão elevado como outras peças do veículo. Mesmo assim, muitas pessoas acabam deixando esse item de lado nas manutenções.

●    Bateria

A bateria do veículo não dura para sempre, por isso, não espere que a mesma apresente algum problema para realizar a troca.

A maioria das baterias necessitam de um líquido conhecido como água destilada e você mesmo pode comprar e colocar na bateria para aumentar seu tempo de uso.

A média do tempo de uma bateria é de 2 a 3 anos, isso se alguns cuidados de manutenção e prevenção forem observados.

Mas, decorrido esse tempo é importante que você realize a troca por outra para não ficar na mão quando menos esperar.

Curso de manutenção automotiva

Hoje existem cursos de manutenção automotiva disponíveis e são excelentes para quem procura conhecer mais sobre o assunto ou ainda trabalhar na área.

Mesmo porque o profissional formado em um curso de manutenção automotiva é bastante procurado e o campo de trabalho está em constante crescimento.

Esse profissional poderá trabalhar em grandes montadoras, oficinas mecânicas, concessionárias de veículos ou ainda ter seu próprio negócio.

Além disso, empresas de ônibus e transportadoras também necessitam do profissional em suas empresas com frequência.

Ao realizar um curso de manutenção automotiva o profissional vai aprender a diagnosticar problemas mais profundos no veículo.

Além disso, ele ainda pode realizar a instalação de diversos equipamentos e acessórios, sendo que assim, o campo de trabalho se torna cada vez maior.

Em um curso de manutenção automotiva o aluno também aprende noções de tecnologia e informática aplicada voltada à manutenção dos veículos.

Mesmo porque a maioria dos carros sai de fábrica com computador de bordo, que inclusive informam quando o veículo está apresentando algum problema.