Dicas para os taxistas melhorarem o atendimento

0 Comments

Existem muitas dicas para os taxistas melhorarem o atendimento. Atualmente, o setor de táxi briga diretamente com a concorrência criada por aplicativos como Uber, 99 e outros. Para se ter uma ideia, a estimativa é que a entrada desses aplicativos no segmento reduziu muito a quantidade de corridas feitas por taxistas nas grandes cidades do país.

A situação piorou ainda mais com o novo coronavírus. Em algumas cidades, como Fortaleza, a demanda por corridas caiu 95%. É fácil entender o porquê, quando consideramos que o vírus se transmite pelo ar e estar em um automóvel com um estranho pode ser bem arriscado. No entanto, é possível dar a volta por cima nessa métrica e conseguir novos clientes com um pouco de dedicação e um bom atendimento.

Quer conhecer algumas dicas para os taxistas melhorarem o atendimento e agregar mais valor nas corridas para seus clientes? Então siga a leitura do artigo abaixo!

3 dicas para os taxistas melhorarem o atendimento

1. Trabalhar com empresas de rádio táxi de bom atendimento

A nova geração de passageiros e motoristas têm pouco conhecimento sobre as empresas de rádio táxi, mas essas eram muito importantes na era pré-aplicativo, e ainda são grandes aliadas nos dias de hoje. Empresas com bom atendimento, como a Original Software, podem facilitar seu trabalho de forma digna ao adiantar os pormenores da corrida com os clientes e dar a devida atenção a eles, que nem sempre é possível quando se está dirigindo. Trabalhando com uma empresa de rádio táxi, o motorista garante também maior organização nas corridas e pagamentos, e segurança ao receber um passageiro em seu carro.

2. Oferecer variedade na forma de pagamento

O setor de táxi surgiu décadas atrás, antes mesmo da invenção do cartão de crédito. Aceitar pagamento em dinheiro físico se tornou um hábito tradicional, mas é um impedimento para a realidade que nem todos carregam notas consigo, principalmente o valor exato da corrida. Com a evolução da tecnologia, as maquininhas de cartão se viram livres de fios e planos complicados e agora finalmente estão adaptadas para concorrer com o serviço pré-pago de aplicativos. Oferecer pagamento em cartão de crédito ou débito amplia a quantidade de clientes, e deixa o ambiente mais seguro para o taxista, que evita correr pelas cidades com uma grande quantidade de dinheiro no carro.

3. Conhecer as ruas da cidade e melhores rotas

Um dos melhores atributos do serviço de táxi é a pessoalidade. Serviços de aplicativo evitam o contato humanizado e fazem todas as etapas possíveis do processo de maneira digital, inclusive a rota que o motorista deve seguir. O taxista, em sua experiência, já costuma conhecer as ruas principais e escondidas das cidades em que trabalha, e pode sempre oferecer rotas melhores para seus passageiros. Confiar em GPS pode ser uma cilada quando falta a internet ou não se pode contar com a bateria do smartphone, então conhecer os caminhos que percorre é um diferencial que tranquiliza seu cliente e mostra confiança em seu trabalho.

Agora que você já viu essas dicas para os taxistas melhorarem o atendimento, já poderá colocá-las em prática para ter mais sucesso na sua carreira. Lembre-se de que é essencial para um taxista fidelizar o consumidor para poder competir com os aplicativos de carona. A fidelização vem do valor que o cliente encontra naquela corrida. Se o taxista é ligeiro, chega rápido nos lugares, evita trânsito e oferece uma boa experiência no geral, o cliente vê muito valor e de fideliza mais facilmente.

Qual dessas dicas você achou mais importante para melhorar o seu trabalho e sua relação com o cliente? Conte em um comentário abaixo!